terça-feira, 25 de julho de 2017

Salmorejo Cordovês





Estar com os amigos dá-me cada vez mais prazer. Estar com "aqueles" amigos mesmo bons, "aqueles" com quem estou mesmo à vontade, com quem riu alto, mas também refilo se tiver que ser e com quem me sinto bem e feliz. Pessoas com boa energia, relacionamentos sem complicações, é isso que valorizo cada vez mais e que me preenche nos momentos de lazer. Eu e o meu marido gostamos bastante de receber estes bons amigos em nossa casa. E, claro, os nossos encontros giram muito em torno da mesa e dos petiscos que eu faço para mimar quem mais gosto. O meu marido arruma, ajuda na logística e em tudo o resto... eu cozinho... todos comemos! São sempre momentos bem passados. No dia em que fiz este prato, recebemos alguns dos nossos melhores amigos, aqueles que me põem mesmo bem disposta com a sua companhia, "aqueles"...
Como tínhamos estado de férias no sul de Espanha há poucos meses e ficámos encantados com o Salmorejo que provámos em Córdoba (e em toda a Andaluzia em geral) resolvi experimentar. Trata-se de uma espécie de gaspacho, mas só com tomate. Pessoalmente, ainda apreciei mais e o meu marido só aprecia esta versão porque não gosta de gaspacho (ele não gosta de pimentos). Ficámos ambos rendidos a esta sopa fria e cremosa e eu pensei logo em fazê-la cá em casa. Dos amigos que provaram, dois deles já tinham comido em Espanha e consideraram que estava muito bom. Nós também achámos, ficou igual ao que comemos por terras andaluzas. A única adaptação que fiz foi reduzir um pouco a quantidade de pão porque o pão espanhol é menos denso, por isso é necessária maior quantidade para atingir a consistência certa.
Para esta "produção" contei com a carinhosa ajuda da Ana, uma das amigas que se sentou connosco à mesa nessa noite. Quase sempre tiro as fotografias sozinha e quem tem um blog sabe que esta parte é muito gira, mas dá trabalho. Com a ajuda da Ana consegui mais inspiração e foi tudo mais fácil! Ainda por cima ela confessou que adora Salmorejo, já tinha provado várias vezes em Espanha e aprovou o meu, o que me deixou bastante orgulhosa. No fim de tudo, ofereceu-se para ajudar em produções futuras, mas eu palpito que ela quer é candidatar-se a "provadora oficial" da Deliciosa Paparoca. Ana, seja para que função for, estás contratada!!


Ingredientes para cerca de 6 doses:
1 quilo de tomate maduro de boa qualidade, de cacho por exemplo
1 dente de alho (não muito pequeno)
150 gr de pão (200 na receita original)
2 dl de azeite (2,5 na receita original)
Sal qb
1 ovo cozido + 50 gr de presunto em pequenos cubos

Preparação:
Comece por pelar os tomates, colocando-os em água muito quente (quando a fervura começa a deitar as primeiras bolhas). Mergulhe os tomates na água ao lume e deixei-os ficar apenas o tempo necessário para começarem a pelar. Retire imediatamente e tire-lhes a pele. Abra-os ao meio e retire todas as sementes. Coloque os tomates numa taça juntamente com o alho e vá triturando com a varinha mágica. Deve obter um sumo espesso (tipo smoothie).
Noutra taça coloque o pão em pedacinhos e vá deixando o tomate triturado por cima até estar tudo misturado. De seguida tempere de sal e triture tudo junto, agora com o pão e tomate. Vá deitando o azeite em fio e triture sempre até obter uma consistência cremosa. Guarde no frio. No momento de servir, guarneça com presunto e ovo cozido em pedacinhos.

Nota: Usei bolas de mistura, mas não muito densas. Para este prato não recomendo pão tipo alentejano ou de Mafra, apesar de ser excelente, não é o indicado. É preferível um pão mais macio, "tipo bolinha", mais leve do que isso também não aprecio.
Deixo-vos uma fotografia da receita que tirei em Córdoba, estava fixada na parede exterior de um restaurante e foi a primeira foto que tirei quando cheguei à cidade :)

Bom apetite! Comam bem e de forma saudável!





2 comentários:

  1. Belas fotos e assim com ajuda acredito que seja mesmo mais fácil. Gostava de provar essa sopa fria para comparar com o comum gaspacho.
    Beijinhos,
    Clarinha
    http://receitasetruquesdaclarinha.blogspot.pt/2017/07/na-cozinha-com-as-receitas-da-piteca-e.html?m=0

    ResponderExcluir
  2. Não conhecia esta sopa fria. Mas adorei a receita. Mas não poderia deixar de dizer que essas taças/copos são lindissimos. beijinhos

    https://saboresdoninho.blogspot.pt/

    ResponderExcluir